10 de fevereiro de 2010

O meu (temporário) carro amarelo

Guiar um carro amarelo (amarelo mesmo amarelo) tem destas coisas: Motoristas da Carris que olham para mim com ar solidário (aquilo parece um smart da Carris), gente nos carros atrás a gargalhar (ainda por cima com gargalhadas vindas de um golf azul escuro, que é a bem dizer a minha curta ambição automóvel desde sempre), o pai a chegar à garagem e a gritar "aahhhhh é meeeesmo a m a r e l o!!!!!", pessoas nas passadeiras a rir para mim (coitadinha, comprou um carro amarelo...), os meus dois filhos todos contentes porque se sentem no carro no Noddy, o senhor da segurança do sítio onde trabalho a balbuciar um "pois... então este é novo?..." E eu, contente porque não ando a pé, agradecida a quem me emprestou com boa vontade um carro amarelo.


5 comentários:

Cuga disse...

Encara o carro como um fashion statement. Queres que eu te empreste uma mala da mesma cor? (Tb tenho um trench amarelo, amarelo!)

Eu disse...

O meu sonho também um Golf (apesar de agora ter um quase-autocarro)!

Ouriço, uma coisa que não tem nada a ver com carros, desejos e família: pretendo fazer um trabalho sobre azulejos. Preciso de dicas!!!

S. disse...

PERFEITO!

Ouriço disse...

Vê lá se queres que eu te leve ao aeroporto no amarelo!

S. disse...

É comigo?
Amanhã ligo para saber se precisas de alguma coisa. Vai pensando.

Bj